Saúde e Bem Estar

Meditação como transformação de vida e aliada ao bem-estar.

Conheça um pouco sobre a terapeuta holística Sayô Adinkra e a meditação das rosas, uma ferramenta de cura energética que vem conquistando cada vez mais adeptos.

Conheça Sayô.

Essa é a terapeuta holística Sayô.

Sayô Adinkra reside em Salvador, tem 38 anos, é mãe, professora de história e mestre em gestão social. Há 6 anos atrás se ingressou no universo das terapias holísticas, devido a necessidade que sentia em melhorar seu estilo de vida.

As terapias holísticas, diferente de outras áreas terapêuticas, fazem uma análise da pessoa como o todo. O objetivo é ajudar o paciente a melhorar a qualidade de vida e chegar ao seu pico máximo de equilíbrio físico, emocional e energético.

Com o tempo de prática, Sayô foi formatando alguns serviços como rodas de meditação, consultoria profissional com foco nos desbloqueios emocionais, atendimentos de reiki, leitura de aura e retiros. Dessa forma está construindo um empreendimento voltado ao autocuidado.

Em entrevista ao Mercado Ba, Sayô nos explicou um pouco sobre como conheceu esse universo e de que forma ele tem transformado a sua vida e de outras pessoas também:

De que forma você conheceu a meditação?

‘’Eu fiz uma formação em Leitura de aura, uma prática terapêutica de autoconhecimento onde conversamos com o que a aura da pessoa irradia. A metodologia de formação de leitura de aura envolve a meditação das rosas, que pode ser praticada fora desse processo de formação. ’’

O que é a meditação das rosas?

‘’É uma meditação ativa de visualizações simples, que atualmente é uma das ferramentas mais poderosas para limpeza de energia e proteção da aura. ‘’

Com que frequência você pratica?

‘’Eu não pratico a meditação diariamente, mas tenho uma frequência semanal. Porém, todos os dias, você aprende a usar recursos da meditação que chamamos de comandos energéticos, pois estamos sempre precisando lidar com alguma situação energética. ‘’ 

Em quais aspectos sua vida melhorou?

Com o tempo de prática continua você não comporta mais por muito tempo dentro de você os lixos emocionais de nossa imaturidade. Existem muitos aspectos de melhora, mas, para mim, o principal é eu ver situações incomodas acontecendo e eu conseguir energeticamente conduzir para aquilo não se estender, para aquele tipo de energia de magoa, raiva, medo, sair do meu campo. O que em outros tempos geraria dias ou semanas de consumição, tenho percebido não durar mais de 1 ou 2 dias, isso tem gerado uma qualidade de vida e de gostar de mim mesma muito maior.

Como surgiu a criação dos grupos de meditação?

Eu tenho construído a Rede Esmeralda, um empreendimento pautado no autocuidado. A partir disso eu compartilho várias ferramentas que fazem parte da minha vida, entre elas a meditação. Então, está sendo uma fluência de meu próprio caminho como terapeuta e do trabalho em rede.

Para finalizar, você acha que todos devem praticar meditação?

Não acho que todas as pessoas deveriam praticar a meditação das rosas. Eu acredito que todas as pessoas devem, por uma questão de sobrevivência (e não de opção), buscar seu autocuidado, a partir dessa busca, escolher o que tem mais afinidade e faz sentido para si. Então veja, meditar é essencial, mas existem muitas formas de meditação, então, o que pode ser excelente para mim não necessariamente é para você.

Por: Vitoria Brayner

 

 

 

Related Posts

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *